quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

Diário de um cão

Sei que não são os próprios a relatar estes acontecimentos, mas acredito que seja precisamente o que eles pensam e sentem.
As pessoas acham-lhes muita graça enquanto são pequenos, mas esquecem-se que eles crescem e por vezes mais do que se estava à espera, fazem muitos "xixís" em todo o lado, deixam "prendas" espalhadas, roem, largam pêlo e fazem um sem número de disparates. Tudo isto faz parte do seu crescimento.
Quando as pessoas se deparam com algumas destas situações ficam desiludidas, aborrecidas e até mesmo arrependidas por os terem. Por vezes acham que "despacha-los" é a melhor solução, esquecendo-se que os animais não são descartáveis, não são objectos que quando deixam de ser uteís ou quando já estamos fartos deles, unica e simplesmente deitamos fora. Os nossos melhores amigos merecem respeito, amor, carinho, compreensão, educação, paciência, disponibilidade e toda a nossa dedicação. Eles enchem uma casa, são-nos totalmente fieís, nunca seriam capazes de nos abandonar ou de nos voltar as costas, muito pelo contrário, são detentores de amor incondicional, amor esse que muitos humanos de "2 patas" algum dia serão capazes de nutrir.
É tão compensador chegarmos a casa e termos os nossos meninos à nossa espera, felizes pelo nosso regresso depois de mais um dia de trabalho. E quando finalmente abrimos a porta de casa lá vêm eles a correr, como se não nos vissem há séculos, com um brinquedo na boca e começarem a saltar para nos cumprimentar. Há maior cumplicidade do que esta?
Meus queridos amigos de 4 patas, orgulho-me muito de todos vocês.





4 comentários:

Adoro.vos Cães disse...

Ola! Concordo plenamente eu também tenho total orgulho nos meus amigos de quatro patas. São gestos que eles nos dão, que por vezes parecem pequenos, que nos enchem a vida, umma chegada a casa, um passeio!
Parabéns pelo post adorei lê-lo!
digam lá que este blog não é espectacular? Ah, pois...

=D beijinhOs

Marta (Toby) disse...

O melhor blog de sempre, na minha opinião e na opinião do meu melhor amigo e companheiro, Toby.

silvia disse...

cada vez gorto mais deste blog... ja e uma visita indispensavel... e concordo absolutamente com o post... sei k com as minhas amiguinhas de quatro patas posso sempre contar... pra me darem uma lambidela carinhosa quando tou masi triste, quando querem passear e nao me largam, quando nao me deixam fazer nada porqe querem a atençao toda pra elas... enfim... gosto delas por tudo... porque sei que estao sempre la...

Marta disse...

Sem duvida um post para deixar uma lágrima nos olhos. Como é possível abandonar estes nossos amigos que só querem o nosso amor e carinho e nos dão em troca a sua lealdade? Estou a visitar pela primeira vez este blog (sou a dona do Cocas do Petnet) e garantidamente voltarei mtas mais vezes. É bom saber que existe tanta gente que se preocupa com os nossos amiguinhos de 4 patas.